Resorts Online
15 Anos
Central de AtendimentoSão Paulo e Região :
(11) 3122-9290
Central de AtendimentoOutras localidades:
0800-RESORTS 0800 737 6787

Paraíba (PB)

  • Faça parte das nossas redes sociais
  • facebook | Resorts Online
  • Google Plus | Resorts Online
  • Twitter | Resorts Online
n-5


A Paraíba surpreende pelas singularidades que encantam seus moradores e visitantes. A Capital do Estado, João Pessoa, é considerada uma das cidades mais arborizadas do planeta e, por ter recebido distinção da coroa portuguesa já no ano de sua fundação, 1585, guarda o título de terceira cidade mais antiga do Brasil. É aqui onde fica o ponto extremo oriental das Américas – a Ponta do Seixas, e a Estação Cabo Branco Ciências Cultura e Arte, uma obra grandiosa de Oscar Niemeyer.

O litoral do Estado da Paraíba está entre os mais belos do Brasil. Praias tranquilas, areia fina e coqueirais banhados por sol o ano inteiro. Para os naturalistas, a praia de Tambaba, no município do Conde, é a ideal, pois é permitida a prática do nudismo. Vale a visita à bela Praia de Coqueirinho, no litoral sul. Oferece águas mornas, areias douradas e gente interessante que circula pelo lugar. As urbanas de João Pessoa, como Tambaú, Cabo Branco e Bessa, concentram praticantes de esportes e turistas.

Já o interior oferece aos visitantes sítios arqueológicos com artes rupestres, rastros de dinossauros, cachoeiras e antigos engenhos de cana-de-açúcar. Nos municípios, o artesanato também encanta turistas, que podem conferir peças únicas como a renda renascença, de reconhecimento internacional, e o algodão colorido, usado por estilistas de renome no país. A arte em marchetaria, estopa e argila também caracterizam a região.

A Estação Cabo Branco abriga o centro cultural de João Pessoa projetado por Oscar Niemeyer e inaugurado em 2008. Além da obra do arquiteto contemporâneo, Paraíba guarda inestimáveis patrimônios históricos. A Igreja de Nossa Senhora da Guia, no município de Lucena, construção do final do século 16, erguida por frades carmelitas merece destaque.

A culinária paraibana, por sua vez, mescla influências de diversos povos. Dos indígenas foi herdado o uso da mandioca - ou macaxeira -, principalmente das variações de pratos proporcionados por sua farinha. Dos escravos, a Paraíba recebeu toques da culinária da África, como o cultivo da cana de açúcar e o uso intensivo de peixes e crustáceos. Os molhos e misturas também traduzem essa referência, como o leite de coco, pimentas e azeites combinados a temperos trazidos pelos portugueses de outras colônias, na África e na Ásia.

Compartilhe com seus amigos

Comentários. Deixe sua avaliação.